Hipertextus Revista Digital Hipertextus Revista Digital Hipertextus Revista Digital Nehte/UFPE Website UFPE
 
 
Indexadores Nacionais:
 
Indexadores Internacionais:
 
Visitantes online:
 

 
Editoriais - Volume 4

Em seu quarto número, a Revista Hipertextus apresenta artigos provenientes de vários estados do Brasil e de diferentes centros de pesquisa, abordando eqüitativamente questões que interessam tanto aos estudos lingüísticos quanto literários.

Quatro ensaios dedicam-se a pensar as implicações pedagógicas do hipertexto: os trabalhos de Erika Suellem Castro da Silva, da UFPA: “Leitura e escrita no ciberespaço: desafios ao professor de língua”; Francimary Macêdo Martins, da Universidade Virtual do Estado do Maranhão: “Estado da arte sobre leitura hipertextual em ambiente virtual de aprendizagem”; Luiz Carlos Carvalho de Castro, da SEEDUC/PE: “A dêixis nas aulas virtuais” e Waléria Fortes de Oliveira, da UCS: “Aprender colaborativamente e escrever de modo autoral: os desafios de tornar-se pedagogo na modalidade de educação à distância”.

Dois trabalhos discutem a produção ficcional em ambiente virtual: o de Poliana Barbosa Martins de Oliveira, da UFPE: “Literatura eletrônica: um ensaio aproximativo” e o de Marcelo da Silva Araújo Santos, da UEFS: “Hiperficção: novas propostas para a leitura literária no novo milênio". Já os trabalhos de Conrado Vito Rodrigues Falbo, da UFPE: “Poesia, performance e tecnologia: em busca do corpo mediatizado” e de Cristiano de Sales, da UFSC:  “Tentando compreender o poético nas criações digitais” focalizam aspectos da produção poética eletrônica, sobretudo no que concerne às implicações do corpo no nascimento da linguagem artística.

O trabalho de Vivian Lemes Moreira, Jonathan Raphael Bertassi da Silva e Lucília Maria Sousa Romão, da USP, intitulado “Heterogeneidade inscrita no discurso do Website Flickr”, tem como objetivo a interpretação de recortes verbais e imagéticos inscritos na página eletrônica Flickr, website destinado à organização e compartilhamento de fotos entre os sujeitos-navegadores na rede. Além da teoria da Análise do Discurso, os autores recorrem a trabalhos sobre fotografia e sobre o funcionamento do website do Flickr, buscando entender como a memória discursiva marca presença de maneiras diversas na retomada do interdiscurso sobre “leite derramado” – expressão que virou título de livro nas mãos de Chico Buarque em 2009 – e as decorrências disso na discursividade verbal e não-verbal no website em questão.

Finalmente, os artigos de Mara Alice Sena Felippe, da UFJF: “Literatura e internet: o leitor imerso em bytes” e de Ermelinda Maria Araújo Ferreira, da UFPE: “A literatura potencial e os 'objetos narrativos mutantes' na atualidade”, tratam da estreita relação entre a escrita, verbal e/ou visual e a informática, problematizando algumas questões que ocupam o cenário da teoria e da crítica literárias contemporâneas: sobretudo as que se referem à construção de interfaces e de novos modos de interatividade na recepção dos textos literários.

Mais uma vez, desejamos a todos uma boa leitura. Acessar Volume 4

Ermelinda Maria Araújo Ferreira
Recife, 15 de fevereiro de 2010